Braga Destaque

Lançado concurso para reflorestar monte em Braga com carvalhos e sobreiros

Agência Lusa
Escrito por Agência Lusa

A Câmara de Braga lançou hoje um concurso público para reflorestar o Monte Picoto, que prevê a limpeza, preparação do terreno e plantação de mais de duas mil árvores autóctones naquela área que será transformada num parque urbano.

De acordo com o concurso publicado hoje em Diário da República, o valor base do procedimento é de 234.570 euros e a execução da empreitada terá a duração de dois meses.

Em declarações à Lusa, o vereador do Ambiente da Câmara de Braga, Altino Bessa, disse que este concurso público se insere no projeto de transformar o Monte Picoto num parque urbano, “com cerca de 24 hectares”.

A autarquia pretende “retratar dentro daquele parque a floresta tradicional e típica”, plantando “mais de duas mil árvores autóctones”, como carvalhos e sobreiros, entre outras espécies, “já com um diâmetro médio de 12 centímetros e entre três a quatro metros de altura”, explicou o autarca.

O concurso inclui ainda “o combate às invasoras”, designadamente acácias e mimosas, disse.

Segundo o vereador, o projeto de arborização do Monte Picoto que o tornará num parque urbano obteve financiamento do Fundo Ambiental para a adaptação do território às alterações climáticas, no valor de cerca de 165 mil euros.

Tratando-se de um parque urbano, “perto da cidade, o arvoredo permitirá o arrefecimento e criará sombra”, concluiu.

Comentários

Acerca do autor

Agência Lusa

Agência Lusa