Destaque Vila Verde

Já abriu Dom João de Aboim, o primeiro colégio em Vila Verde

Redação
Escrito por Redação

A Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde viveu um dia histórico. Abriu as portas do Colégio Dom João de Aboim com mais de 50 crianças, 3 salas a funcionar, corpo docente completo, com apoio social, médico e de psicologia para crianças e também com instalações de topo.

Pelas 9 da manhã as crianças, a direção pedagógica e o provedor da Santa Casa de Vila Verde Bento Morais, fizeram uma simbólica largada de balões que assinalou o início do ano letivo 2018/2019 nesta nova unidade de educação em Vila Verde.

O provedor Bento Morais, em comunicado a todos os pais refere que “é com muito orgulho e sentimento de missão cumprida que estamos hoje aqui a concretizar a abertura do ano letivo 2018/2019, com especial destaque para o Colégio D. João de Aboim”.

Segundo Bento Morais, “a Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde está sempre atenta às carências de todos os que nos procuram, e está sempre preocupada em servir-vos bem e com qualidade”.

“Foi por isso que, há cerca de 3 anos, demos início a esta missão de desenvolver o 1.º ciclo de Ensino Básico na nossa instituição, depois de termos recebido um abaixo-assinado de cerca de 60 pais/encarregados de educação, a pedirem encarecidamente, que assim o fizéssemos, de  forma a que os seus filhos, à data, nossos utentes na valência pré-escola, prosseguissem a sua caminhada letiva nesta instituição. Eis a obra concluída”, remata o provedor.

Com o Colégio Dom João de Aboim, a Misericórdia de Vila Verde a 3.ª do país munida de unidade de 1.º ciclo.

Num clima entre a emoção e o orgulho em ver os filhos chegar ao primeiro dia de aulas, os pais referiam que “é um momento único na vida”.

A obra teve referência também por parte da União das Misericórdias Portuguesas na pessoa do presidente Manuel Lemos referindo que “muito apraz saudar e felicitar vivamente a Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde pela coragem e determinação em construir um colégio, o Colégio Dom João de Aboim, para também na vertente da educação, cumprir mais a obra de misericórdia que justamente remete para ensinar”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação