Braga Destaque

Destrói montra ao pontapé e deixa rastro de sangue pela cidade de Braga

c) Susana Vieira
Fernando André Silva

Uma situação insólita alarmou bracarenses na manhã da passada quinta-feira. Um rastro de sangue, sob a forma de pegadas, surgiu pela manhã em várias ruas da cidade de Braga, terminando num prédio junto ao Braga Parque, incluindo o elevador do mesmo prédio.

Pelo que foi possível apurar, o rastro foi causado por um jovem que terá partido uma montra de uma loja na Rua Nova de Santa Cruz, tendo depois fugido do local com feridas profundas que o fizeram perder bastante sangue. Desavenças estarão na origem de tal ato.

O rastro vai desde o estabelecimento com a montra partida naquela rua, passando ainda pela Rua da Fábrica, até à rotunda a 200 metros do centro comercial Braga Parque.

Pelo que foi possível apurar, a situação foi reportada à PSP de Braga, mas os pais do jovem deslocaram-se à loja em questão e assumiram o prejuízo. Já o jovem teve de se deslocar ao Hospital de Braga onde foi suturado nos membros inferiores com oito pontos.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista