Destaque Vila Verde

Bombeiros de Vila Verde não vão à cama desde sábado

Fernando André Silva

Uma sequência de incêndios tem assolado o concelho de Vila Verde desde a noite do último domingo, levando a que vários operacionais estejam a tempo inteiro no combate às chamas, descansando algumas horas no quartel.

Esta sequência de incêndios começou no passado domingo, com uma ignição que ocorreu em Passô, junto à zona de Santa Ana, e que foi alvo de um reacendimento durante a tarde desta terça-feira.

Também na noite desta segunda-feira, um incêndio começou em Gomide, alastrando para Sande durante esta madrugada e ainda se encontra em rescaldo, com várias dezenas de operacionais no local.

Ao Semanário V, o segundo-comandante Luís Morais indicou que “estão a ser dois dias muito complicados” para os bombeiros e que grande maioria não descansa em condições  desde a noite de sábado.

Pelo que foi possível apurar, em 48 horas, arderam mais de 30 hectares no concelho, o que equivale à média de área ardida em seis meses deste ano.

Neste momento, com os outros dois incêndios em rescaldo, duas equipas com oito homens deslocaram-se para Prado São Miguel, onde novo incêndio deflagrou a meio desta tarde.

Autoridades procuram possível incendiário

Tem havido relatos de um possível incendiário na zona norte do concelho de Vila Verde o que terá motivo uma atenção especial por parte da GNR. A PJ também está a par da situação.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista