Braga Cultura Destaque

Violetista de Braga vence prémio Jovem Músico do Ano

Sofia Silva Sousa (c) Foto: Jorge Carmona /Antena 2
Fernando André Silva

Sofia Silva Sousa venceu na quinta-feira o Prémio Maestro Silva Pereira/Jovem Músico do Ano 2018, no primeiro dia do Prémio Jovens Músicos (PJM), gala que decorreu até este sábado, em Lisboa.

Através da interpretação em viola d’arco, a bracarense foi distinguida com o 32.ª prémio entregue pela RTP 2, depois de já ter conquistado o segundo lugar deste importante concurso em 2016.

A jovem músico terminou em junho deste ano a licenciatura em um dos mais prestigiados conservatórios a nível mundial, a Royal Academy of Music (RAM) em Londres, ingressando agora na Royal College of Music.

Sofia, de 22 anos e natural de São Victor deu os primeiros passos no Conservatório de Música de Braga [Gulbenkian], onde a mãe a inscreveu aos seis anos.

Com o progresso nos estudos e no instrumento, Sofia Silva Sousa foi recolhendo elogios ao longo dos últimos 16 anos e tornou-se numa das maiores promessas a nível europeu em 2014, o que a levou a vencer uma bolsa patrocinada pelo grupo Santander naquele conservatório londrino.

 

Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an

 

Os músicos do JSEJ: Sofia Silva Sousa é uma violetista portuguesa, que atualmente frequenta o segundo ano de licenciatura na Royal Academy of Music, em Londres. Iniciou os seus estudos aos seis anos no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga na classe do professor Dírio Ferreira Alves, estando agora a prossegui-los na classe do professor Martin Outram. Recentemente, obteve o primeiro prémio na segunda edição do Concurso Nacional de Cordas Vasco Barbosa, e em 2015 o segundo lugar no Prémio Jovens Músicos, na categoria de viola nível superior e o Theodore Hollande Prize na Royal Academy e faz parte do JSEJ. #JSEJ #josesaramagoensemblejovem #classicalmusic #ensemble #josesaramago #musicaclassica #chambermusic #chambermusicconcert #viola #violetist #gulbenkian #egeac #FundacaoJoseSaramago http://ow.ly/JXyz307iguQ

Ein Beitrag geteilt von JoseSaramagoEnsembleJovem (@josesaramagoensemblejovem) am

Com prestações brilhantes a nível nacional e a destacar-se em vários palcos europeus, a jovem tornou-se promessa e desde que rumou a Londres conquistou vários prémios, inclusive internamente naquela que é uma escola de eleição dos músicos mais prestigiados da Europa.

Sofia Silva Sousa pertence também à Orquestra Jovem da União Europeia desde 2014 e venceu o prémio Theodore Holland Prize [2015], atribuído na academia londrina, e o Concurso Nacional de Cordas [2016], onde atuou a solo com a Orquestra Sinfónica Portuguesa. Vai estudar também na Queen Elisabeth Music Chapel, em Bruxelas, onde está inserida de forma “artist-in-residence”.

Organizado anualmente pela RTP, através da Antena 2, o Prémio Jovens Músicos é um grande evento nacional na área da música erudita, que distingue e promove os jovens intérpretes mais notáveis.

Nesta edição estiveram a concurso instrumentistas de saxofone e violoncelo (Nível Médio), oboé, trompete, harpa e viola de arco (Nível Superior), música de câmara (Nível Médio e Superior) e cravo (Nível Superior).

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista