Destaque Vila Verde

Joana Fernandes vence prémio Revelação da Festa das Colheitas

Fernando André Silva

A artesã Joana Fernandes, residente em Cabanelas, venceu o prémio “Revelação” na passada edição da Festa das Colheitas, que decorreu na primeira semana de outubro, em Vila Verde.

A jovem empresária de 18 anos voltou a repetir a proeza depois de já ter arrebatado este prémio por diferentes ocasiões. Em declarações ao Semanário V, a artesã explica que concorreu a este concurso por ser habitual concorrer sempre que participa em alguma feita que decorra também com um concurso em simultâneo.

“Este ano participei com um candeeiro feito em cortiça bruta com a parte de cima a ser feita de cortiça em tecido, com um simples bordado que nunca pode faltar”, disse Joana Fernandes, satisfeita por ter ganho novo prémio, ainda para mais “na nossa terra”.

A empresa Artesanato de Joana, com sede em Cabanelas, Vila Verde e onde a artesã Joana Fernandes fabrica e comercializa objetos de madeira e cortiça atingiu o número das 5.000 peças diárias em termos de produção.

Com início de atividade em 2015, a jovem artesã passou de uma média de produção diária de 50 peças quando fazia tudo à mão para mais de 5.000, depois de ter “industrializado” o corte dos modelos artesanais.

Apesar da ajuda do corte a laser que acaba por “recortar” nos moldes desejados, Joana Fernandes ainda passa todas as peças pela vertente manual, inserindo bordados e outro tipo de acabamentos.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista