Desporto Destaque

Prado queixa-se de agressão a atleta nos balneários

Redação
Escrito por Redação

A direção do Grupo Desportivo (GD) de Prado queixa-se de uma alegada agressão a um jogador, no final da partida que se realizou ontem, frente ao SC Cabreiros.

Segundo nota publicada esta manhã pela direção do clube, um atleta, que não foi nomeado, terá sido alegadamente agredido pelo “número 90” do Cabreiros, acusa aquela direção.

Segundo a mesma nota, o alegado agressor iria a passar junto ao balneário do Prado quando agrediu outro atleta, “à traição”. “Refugiou-se de seguida no balneário da sua equipa”, garante a publicação assinada por Miguel Gomes, presidente do clube.

“Este individuo que já durante a partida fartou-se de ameaçar vários atletas nossos de agressões físicas não se deu por satisfeito e agrediu pelo simples facto de lhe apetecer”, garante Miguel Gomes, garantindo que nada têm contra o Cabreiros.

“Nada nos move contra a instituição SC Cabreiros, a qual nos merece total respeito e apreço, existem boas relações entre os clubes e fomos bem recebidos por toda a estrutura, mas este individuo está a mais neste desporto, o futebol não pode ter gente desta”, acusa a nota do clube pradense.

A direção do GD Prado vai agora denunciar a situação ao Conselho de Disciplina e Justiça da AF de Braga e à Federação Portuguesa de Futebol.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação