Mundo

Mundo. Canadá legaliza consumo de canábis

Redação
Escrito por Redação

O Canadá tornou-se esta quarta-feira [17 outubro] no segundo país a legalizar a canábis para fins recreativos, uma reforma histórica esperada em todo o país por consumidores que enfrentaram já o frio e horas nas filas para comprarem legalmente a droga.

Em Saint-Jean-de-Terre-Neuve, no leste do Canadá, a partir da meia-noite local (3h em Lisboa), dezenas de pessoas enfrentaram o frio durante várias horas para compraram os primeiros gramas de “erva”.

Uma das pessoas, Ian Power, chegou quatro horas antes da abertura simbólica das portas da loja para “entrar na história”.

“O meu sonho era tornar-me na primeira pessoa a comprar o primeiro grama legal de ‘canábis’, disse aos jornalistas.

Três anos depois da sua eleição, o Governo liberal de Justin Trudeau está a cumprir um de seus compromissos de campanha mais simbólicos: tornar o Canadá no segundo Estado do mundo a permitir o ‘canábis’ para fins recreativos, depois do Uruguai, em 2013.

O Governo quis permitir que cada província regulamentasse este comércio. De Montreal a Vancouver, passando por Toronto e Winnipeg, cada região decidiu reter a sua própria receita para organizar um mercado que já foi avaliado em cerca de quatro mil milhões de euros anuais.

A oposição conservadora no Parlamento de Ottawa endureceu os ataques nos últimos dias a esta medida que, também segundo muitos especialistas, foi precipitada e ignorou uma série de perigos à saúde pública e à segurança.

“Faz pelo menos dois anos que trabalhamos com os diferentes governos”, disse Justin Trudeau na terça-feira, reiterando que a legalização deverá restringir o acesso a drogas leves a menores e “tirar dinheiro dos bolsos das organizações criminosas”.

Governo dá lições de como “enrolar charros”

A Agência de Canábis do Governo de New Brunswick, uma das dez províncias do Canadá, está a oferecer lições grátis de como enrolar um charro de canábis através da internet.

Via “Cannabis NB”, os fumadores são guiados pelas instruções com fotos e lições do género “preencha o centro da mortalha com a sua canábis e distribua de forma a que o charro não se assemelha a uma montanha com um inchaço no meio”.

O website, que é também o único local legal onde consumidores podem comprar canábis naquele estado, dá conselhos sobre como guardar a canábis e o que fazer em caso de ataque de pânico.

Naquele estado, é permitido até 30 gramas de canábis por consumidor na via pública, não havendo limite para o armazenado em casa.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação