Braga Destaque

Preço da habitação subiu 12,3% em Braga

Habitação Braga / FAS / Semanário V
Fernando André Silva

O preço por metro quadrado na cidade de Braga subiu 12,3% em relação ao período homólogo de 2017, cifrando-se atualmente nos 738€/m2. No entanto, esse valor continua abaixo da média nacional.

Os dados foram divulgados na passada terça-feira pelo Instituto Nacional de Estatística, indicadores para o segundo trimestre de 2018, que aponta o valor de 969€/m2 como mediana nacional para a compra de casa por metro quadrado.

As cidades de Porto (+24,7%), Lisboa (+23,4%), Amadora (+15,8%), Braga (12,3%), Funchal (10,4%) e Vila Nova de Gaia (+10,3%) registaram as taxas de crescimento mais expressivas, relativamente ao período homólogo.

Segundo os mesmos dados, relativamente à região do Cávado, o concelho de Vila Verde é apontado pela mediana mais barata, enquanto Esposende é o concelho mais caro para investir em habitação.

“Entre as sete cidades do país com mais de 100 mil habitantes, o Porto destacou-se por registar, pela primeira vez desde o primeiro trimestre de 2016, o segundo maior preço mediano de alojamentos familiares (1.460€/m2), após Lisboa e ultrapassando o valor da cidade do Funchal (1.439 €/m2)”, destaca o INE.

A mediana de preços no município de Lisboa situou-se nos 2.753 euros por metro quadrado, mantendo-se como a mais elevada do país. A seguir a Lisboa surge Cascais, onde o metro quadrado já custa 2.100 euros. Abaixo dos dois mil euros mas muito acima da mediana seguem-se Loulé (1.846 euros), Oeiras (1.819 euros) e Lagos (1.744 euros).

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista