Destaque Vila Verde

Mulher de Vila Verde detida por furto em loja de Braga

Posto da GNR de Vila Verde (c) FAS / Semanário V
Fernando André Silva

Uma mulher residente em Cervães, Vila Verde, foi detida por furto em Merelim São Pedro, Braga, e é suspeita de uma vaga de furtos no interior de seis residências no concelho de Vila Verde durante o ano de 2018, apurou o Semanário V junto de fonte das autoridades. A mulher fica agora detida na cadeia de Santa Cruz do Bispo, em Matosinhos, enquanto aguarda medidas para ficar em prisão domiciliária sob vigilância de pulseira eletrónica.

A mulher, na casa dos 50 anos e a residir naquela freguesia do concelho de Vila Verde, terá sido detida pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Guarda Nacional Republicana (GNR) na manhã de segunda-feira em flagrante durante um furto no interior de um estabelecimento comercial de venda de artigos de vestuário, situado em Merelim São Pedro, no concelho de Braga.

A suspeita terá furtado largas dezenas de artigos de vestuário daquela loja, introduzindo o apuro do furto numa carrinha da qual é proprietária. Debaixo de investigação por parte da GNR há já algumas semanas, acabou detida por furto e presente ao Tribunal de Braga esta terça-feira, sendo posta em prisão domiciliária e sob a medida de pulseira eletrónica.

O Semanário V sabe que a mulher é suspeita de pelo menos seis outros furtos, ocorridos durante o ano de 2018, em residências situadas no sul do concelho de Vila Verde, motivo pelo qual estava já a ser investigada. A polícia suspeita que a mulher atuava sozinha. As investigações decorrem durante os próximos dias.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista