Destaque Vila Verde

Dusseldorf. Caldo de Sabariz vai matar fome a mais de 500 alemães

Caldo do Pote 2018 (c) Luís Ribeiro / Semanário V
Fernando André Silva

Falta menos de uma semana para a festa do Caldo no Pote, em Dusseldorf, organizado pelo restaurante “Frango Português”, propriedade de José Esteves, natural de Sabariz, Vila Verde.

Ao Semanário V, o empresário radicado na Alemanha aponta novidades para o festival que se realiza durante o almoço e tarde do próximo domingo.

“Temos novidades. Este ano temos 100 litros de polvo cozido feito numa super panela de cobre que foi construída exclusivamente para o Frango Português”, atira José Esteves.

Este ano, o empresário estima receber perto de um milhar de pessoas, a julgar pelo sucesso de edições anteriores e pela amostra que teve durante as festas organizadas este verão. “Esperamos receber entre 700 a 1.000 pessoas. Alemães devem ser uns 80%”, diz.

Os caldos vão ser confecionados por oito habitantes de Sabariz, que se deslocam esta semana a Dusseldorf. O evento decorre entre as 12h e as 18h. A entrada no festival custa 12 euros e dá acesso a todos os estilos de sopa confecionados com a oferta de uma ‘malga’ tradicionalmente portuguesa.

Para o festival estão confirmadas as presenças do presidente da Câmara de Dusseldorf, do Cônsul-Geral de Dusseldorf e de Fernando Silva, presidente da Junta de Sabariz, para além de dois representantes da Câmara de Vila Verde, ainda a designar.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista