Braga Destaque

Guarda-redes hospitalizado após “batalha campal” em jogo da AF Braga

(c) FAS / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

Um jogador foi espancado durante um jogo do campeonato distrital da AF Braga, no sábado, ficando com o nariz partido em dois sítios, e hematomas na face e na cabeça.

As agressões ocorreram ao minuto 77 durante uma verdadeira “batalha campal”, segundo avança o jornal O JOGO, indicando que o jogador em questão, guarda-redes suplente de uma das equipas, teve de ser transportado para o Hospital de Guimarães.

O jogo em questão foi o Silvares x Gonça, com o guarda-redes a apontar “um vice-presidente e dois diretores” do Silvares como responsáveis pelo início da “batalha campal”.

Através das redes sociais, o Gonça aponta “uma pequena confusão junto do banco da equipa visitante”. “Consequentemente e injustamente, o árbitro deu ordem de expulsão ao treinador e ao guarda-redes suplente do AC Gonça e, também, a um jogador do GD Silvares. Foi neste momento que, de um portão que deveria estar fechado, um diretor e cerca de quatro adeptos da equipa visitada, agrediram o nosso treinador e o nosso guarda-redes, ficando este duramente maltrado, de tal modo que teve de ser transportando para o hospital de Guimarães e, mais tarde, para Braga”, escreve aquele clube nas redes sociais.

Com a confusão instalada, o árbitro deu por terminada a partida.

“O AC Gonça repudia os acontecimentos e informa que tomará todas as diligências para que seja feita justiça. De salientar a postura do treinador do GD Silvares (Ismael) e de alguns dos seus diretores que, prontamente, nos informaram que não se reviam em tais atitudes e que se sentiam envergonhados com toda esta situação. Frisamos que nada temos a apontar quanto à hospitalidade que o GD Silvares nos ofereceu. Porém a atitude do diretor do GD Silvares, tanto nas agressões como deixar o portão de acesso ao balneário aberto, tem de ser severamente punida, estas atitudes mancham claramente este belo desporto que é o futebol”, refere ainda o clube.

A GNR identificou o vice-presidente do clube da casa e o jogador agredido.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação