Vila Verde

Vila Verde. Caminhada ambiental Vale da Cabra e margens do rio Homem

(c) Sinopse
Redação
Escrito por Redação

Sem receio à chuva, a caminhada ambiental ‘Vale da Cabra e Margens do Rio Homem’ arrancou com muita energia e boa disposição durante a manhã de ontem, 24 de novembro. Um grupo de vinte pessoas deixou o conforto das suas casas para participar num passeio matinal com uma distância de 8km e várias paragens ao longo do trajeto com o objetivo de apreciar e admirar a beleza das paisagens naturais e da riqueza da fauna e da flora. O início da atividade desportiva deu-se com a concentração dos participantes nas imediações da Câmara Municipal de Vila Verde, às 08h30, e posteriormente foram transportados pelo autocarro Municipal até ao local de partida.

A caminhada desenrolou-se durante cerca de duas horas com a visita a aldeias tradicionais, Vale da Cabra, cursos de água, açudes, moinhos e pontes. Para recarregar as energias, a meio do percurso houve uma pausa para um lanche reforçado com iguarias típicas da altura natalícia como pão de ló, bolo rei e vinho do Porto, café e chá para aquecer o estômago. Já no final, alguns dos participantes continuaram o ambiente de convívio com um almoço em Terras de Bouro, com as tradicionais papas de sarrabulho na ementa.

Para Adelino Silva, um dos organizadores da iniciativa, o balanço da Caminha Ambiental é positivo, apesar das más condições atmosféricas. “As pessoas que vieram gostam de caminhar e não têm medo à chuva. A chuva deu uma mística e cores mais vivas as ao passeio”, afirma, acrescentando que foi uma boa forma de as pessoas desfrutarem dos cenários únicos desta zona: “Foi um passeio calmo com vários momentos agradáveis para observar a nossa flora e fauna”.

Com o Fim de Semana Gastronómico ‘Vila Verde, Capital do Pica no Chão’ a decorrer, a caminhada pretendeu, assim, proporcionar uma manhã saudável e em confraternização com pessoas de diferentes idades. O evento desportivo ‘Caminhada Ambiental entre Vale de Cabra e Margens do Rio Homem’ integrou a programação turístico-cultural, que se estende desde o início de agosto até o fim de novembro com o objetivo de valorizar a tradição, divulgar o território e dinamizar a economia local.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação