Braga

“Neste Natal, adote um animal de forma responsável”

Partilhe esta notícia!

Duas associações que promovem voluntariado em prol dos animais estiveram este sábado juntas no Largo de São Martinho, no centro de Braga, a promover uma “adoção responsável” neste Natal.

A ABRA faz voluntariado diariamente no canil municipal de Braga há 13 anos. É composta por mais de cem elementos e vários voluntários que participam nas campanhas de adoção responsável de cães e gatos abandonados ou que nasceram na rua. Já a ADAAVV, com perto de 40 voluntários, promove as ações em prol dos animais do canil de Vila Verde.

Carla Coelho, vice-presidente da ABRA, adianta ao Semanário V que este tipo de campanha, onde promovem a adoção de animais no centro histórico de Braga, é realizado de forma mensal por aquela associação.

Adoção de animais em Braga ABRA e ADAAVV (c) FAS / Semanário V

“Este sábado aproveitámos a inauguração das luzes de Natal, que atrai pessoas, e resolvemos fazer algo especial para sensibilizar para uma adoção responsável”, explica.

“Neste Natal as pessoas tentam oferecer um animal de estimação, e queremos sensibilizar para ter cuidado com a adoção por impulso. Um animal não é um objeto, tem os seus cuidados, as suas despesas e o resultado final do impulso, por vezes, é o abandono”, alerta Carla Coelho.

Adoção de animais em Braga ABRA e ADAAVV (c) FAS / Semanário V

Também Sandra Lourenço e Mário Gonçalves, voluntários da ADAAVV, explicam ao Semanário V que o principal requisito para adotar um animal passa pelas condições que os novos donos vão dar ao mesmo. “Acima de tudo, se tem condições para ter, senão não vale a pena adotar”, diz Sandra. Já Mário explica que é necessário ter um lugar em casa com condições para o animal devido ao frio. “Estar atento à despesa e isso não é só a alimentação. É necessário o veterinário e ter condições de habitabilidade”, acrescenta.

“Há sempre interessados”

Carla Coelho, da ABRA, revela que há sempre interessados nas adoções. “Como não podemos trazer todos os animais para a campanha, resolvemos fazer um miminho e trouxemos uma fotografia deles, montámos uma árvore de Natal com os nomes, e as pessoas passam, e podem ver se gostam de algum, posteriormente passam no centro de recolha para proceder ao processo de adoção”, explica.

Também a ADAAVV, semanalmente, entrega vários animais para adoção. Durante o sábado, dois cães bebé foram adotados por dois casais, um de Lisboa e outro do Porto, algo que, explica Mário, é habitual. “A maior parte das adoções que temos vão para fora de Braga”, vinca o voluntário no canil de Vila Verde que conta com perto de 150 cães.

Já no centro de recolha a cargo da AGERE existem atualmente cerca de 35 cães e 20 gatos. Todos os meses, a ABRA consegue que algum desses animais seja adotado. O novo amigo já sai do centro de recolha com chip, esterilizado e com vacinas em dia. “Há sempre interessados, ficamos com o registo das pessoas, vemos as condições que têm em casa. Se tentar adotar agora, ainda consegue oferecer um animal no Natal. E já agora, neste Natal, adote um animal… mas de forma responsável”.

Comentários

topo