Braga Destaque

Ricardo Rio recusa-se a receber agentes culturais de Braga

Fábrica Confiança (c) DR

A Plataforma Salvar a Fábrica Confiança (PSFC) acusa Ricardo Rio, presidente da Câmara de Braga, de recusar receber os representantes das 18 associações culturais e organizações da sociedade civil que defendem a suspensão do processo de alienação da Fábrica Confiança.

Em comunicado, a PSFC diz que “estas associações tinham pedido à autarquia que fosse realizado um encontro para debater o futuro da Confiança, nomeadamente para que os cidadãos possam apresentar à autarquia propostas que viabilizem a transformação da Fábrica Confiança num edifício aberto à cultura e à cidadania.”

A mesma plataforma revela ainda que este pedido teve os seguintes subscritores: Academia de Teatro Tin.Bra, Arte Total, ASPA – Associação para a Defesa, Estudo e Divulgação do Património Natural e Cultural, Associação Bairro D’Alegria – O Bairro Somos Nós, Braga+, CEA – Cooperativa Ensino Artístico, CRL, Cidade Curiosa – Associação Cultural, Cineclube Aurélio da Paz dos Reis, Civitas – Associação para a Defesa e Promoção dos Direitos Humanos, Encontros da Imagem, Fotograma, JovemCoop – Associação Jovem Cooperante Natureza, Krizo – Educação, Arte e Cidadania, Nova Comédia Bracarense, O Cão Danado e Companhia, PIF’H – Produções Ilimitadas Fora d’Horas, Projétil, Velha-a-Branca – Estaleiro Cultural.”

Cláudia Sil, membro da PSFC diz mesmo que “a Fábrica Confiança, por estar localizada na freguesia mais populosa do concelho, com 31 mil habitantes, e pela proximidade à Universidade do Minho, pode ser um elemento-chave nos projectos culturais da cidade que se avizinham, como a Capital da Cultura do Eixo Atlântico em 2020 ou a candidatura de Braga a Capital Europeia da Cultura 2027”.

Recorde-se que o processo de alienação da Fábrica Confiança encontra-se suspenso depois de o Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga ter aceitado uma providência cautelar interposta por um grupo de cidadãos. Entretanto a Secção do Património Arquitectónico e Arqueológico do Conselho Nacional da Cultura deliberou a abertura do procedimento para a classificação da Fábrica Confiança.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação

Acerca do autor

Paulo Moreira Mesquita

Paulo Moreira Mesquita

Diretor Semanário V