Amares Destaque

Comissão com missas em Paris e no Alívio por António Variações

Redação
Escrito por Redação

A Comissão Promotora da Homenagem a António Variações (CPHAV), no âmbito da iniciativa “Homenagem a António Variações”, que decorre nos anos de 2018 e 2019, preparou duas intenções de missas pela alma do malogrado cantor, nascido a 3 de dezembro de 1944, e que morreu a 13 de junho de 1984.

Segundo aquela comissão, foi celebrada uma missa em memória do músico natural de Fiscal, Amares, na Sanctuaire de Notre Dame de Fatima-Marie Médiatrie, e também em Soutelo, no Santuário do Alívio, no passado dia 9 de dezembro.

A Comissão promotora é composta porCândida Filomena Batista (Docente de Filosofia e Bibliotecária), Cândida Ramoa (Docente de Biologia e Geologia), Carlos Manuel Dobreira (Coordenador da Comissão Promotora, Docente de História e de Educação Especial; Tenor solista), Diana Mendes (Estudante universitária; Fadista) Fabiola Lopes (Docente de Inglês e Poetisa), Maria Etelvina Sá (Docente Aposentada de Economia; Jurista), Paulo Alexandre Almeida (Docente de Educação Musical; Compositor), Paulo Pedro Gonçalves (Músico, cantor e criador; integrou a Banda Heróis do Mar) e Rueffa  (Artista plástica).

Em 2019, a CPHAV pretende concretizar a atribuição do nome de António Variações a uma rua ou avenida em Braga e a apresentação do livro António Variações Entre Braga e Nova Iorque, de Manuela Gonzaga, em Braga e Terras de Bouro.

Igualmente, vai apresentar uma proposta de fundamentação ao Presidente da República e que visa a atribuição de uma ordem honorífica (condecoração) a título póstumo.

Entre outras ações em fase de conceptualização, destaca-se o repto para a interpretação das suas canções por parte das bandas filarmónicas de Portugal Continental e Regiões Autónomas, assim como a criação de um roteiro literário-musical de António Variações nos concelhos de Amares e de Braga.

Neste momento, a Comissão Promotora é constituída por professores, músicos e uma artista plástica que vivem em Braga, Cabeceiras de Basto, Famalicão, Lisboa, Matosinhos, Palmeira e em Elisabeth (EUA) e Londres (UK).

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação