Braga Destaque

PSP vai acompanhar protesto de “coletes amarelos” em Braga

Grupo "CA - Braga" organizou colagem de cartazes na cidade de Braga / DR
Redação
Escrito por Redação

A PSP já está a preparar um “dispositivo adequado” para sexta-feira, dia em que se preveem manifestações em vários locais sob o lema “Vamos parar Portugal como forma de protesto”, e apela ao respeito pela lei.

Num comunicado esta segunda-feira divulgado, a direção nacional da PSP garante que “adotará um dispositivo de segurança adequado” e lembra que os promotores do movimento “coletes amarelos” têm de comunicar aos presidentes das câmaras municipais, por escrito e com a antecedência mínima de dois dias úteis, a intenção de realizar a manifestação.

A PSP já se reuniu com os promotores das iniciativas previstas para Braga e Porto, estando agendado para terça-feira uma reunião com os organizadores do protesto de Lisboa. Para o dia das manifestações, a PSP decidiu suspender as folgas marcadas pelos efetivos da polícia, garantindo que serão posteriormente compensados.

Segundo o porta-voz da direção nacional da PSP, o intendente Alexandre Coimbra, a maior preocupação neste momento prende-se com a dimensão do evento e não com qualquer informação de possíveis confrontos. Os protestos marcados para sexta-feira em várias cidades do país por grupos de cidadãos são inspirados no movimento “coletes amarelos” em França, que há vários dias se manifestam contra o elevado custo de vida e para exigir diminuição dos impostos e do preço da gasolina, entre outras reivindicações, e que já resultaram em violentos confrontos entre manifestantes e polícias no centro de Paris.

Recorde-se que em Braga está preparada uma ação de protesto a iniciar pelas 6h00 de sexta-feira, junto ao Nó de Infias, em São Vicente, Braga [acesso a variante do Cávado]. No passado sábado, perto de 30 pessoas juntaram-se no estacionamento da Makro, em Lamaçães, para combinar esta ação de protesto. Foram espalhados cartazes e colocadas faixas em passagens pedonais aéreas e pontes a divulgar o evento.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação