Braga Destaque

Antifascistas não protestam mas estão atentos aos “coletes amarelos” em Braga

Frente Unitária Antifascista FAS / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

A Frente Unitária Antifascista, organização criada em Braga com membros de várias associações de índole política, vai “acompanhar com atenção” a manifestação marcada para esta sexta-feira, junto ao Nó de Infias, em Braga, mas não adere ao protesto.

Em comunicado, a FUA aponta que este protesto é “impulsionado pela extrema direita” e tem um objetivo “oportunista de aproveitar o descontentamento do povo e dos trabalhadores para criar tensões e instabilidade e divisões no seio da população” e por isso decidiram “comunicar a não participação nos protestos”.

Os antifascistas alegam que esta é uma forma da extrema-direita “ganhar espaço e força na disseminação da ideologia neo-fascista”. “Sabemos que há razões para protestar devido a situação que o país enfrenta, mas nunca através de estruturas de cariz opressiva, racista, xenófoba e discriminatória”, aponta aquela organização de esquerda.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação