Destaque Região

Jovem músico de Viana admitido em três universidades de artes em Londres

Agência Lusa
Escrito por Agência Lusa

João Carvalho, de 17 anos, foi admitido em três das melhores universidades de artes do mundo, em Londres, onde prestou provas, sendo que em duas com bolsa de mérito, contou hoje o guitarrista de Viana do Castelo.

“É um orgulho muito grande e o reconhecimento do trabalho e esforço desenvolvidos nos últimos sete anos”, afirmou hoje à agência Lusa João Carvalho, que iniciou estudos musicais em 2011.

O jovem, natural da freguesia de Barroselas, que completou 17 anos em novembro, prestou provas, entre os dias 4 e 14 deste mês, na Royal Academy of Music, na Trinity Laban Conservatoire of Music and dance e na Guildhall School of Music and Drama, sendo que nas duas últimas foi admitido com bolsa de mérito.

“Em 15 minutos fui admitido na Trinity Laban Conservatoire of Music and dance, em 15 minutos fui admitido na Guildhall School of Music and Drama, em 15 minutos fui admitido na Royal Academy of Music”, escreveu o jovem guitarrista numa publicação numa rede social, onde anunciou o feito a amigos e familiares.

O jovem referiu que “grande parte deste sucesso” se deve ao seu professor Francisco Gomes.

“A sua dedicação, acima da média, ao ensino especializado da música fez-me chegar onde desde o início quis chegar”, sustentou.

Contactado pela agência Lusa, Francisco Gomes destacou a “excelência” de João Carvalho, que “em apenas 15 minutos de prova em cada uma das faculdades bastaram para ser admitido”.

“Sou professor há 24 anos e não conheço ninguém que tenha conseguido entrar em mais do que uma universidade. É reconhecimento de sete anos de trabalho”, reforçou o professor que, desde 2010, viu cinco alunos da classe de guitarra entrarem em universidades da capital inglesa.

O jovem músico disse à Lusa não ter conhecimento de caso idêntico em Portugal.

“Que tenha conhecimento, é a primeira vez, a nível nacional, que um guitarrista ou instrumentista é admitido em três universidades, assim de rajada. Entrar numa delas já é muito bom, mas em três ao mesmo tempo enche-me ainda mais de orgulho”, sublinhou o aluno do Conservatório de Música de Barcelos, a frequentar o ensino articulado na escola secundária de Monserrate, em Viana do Castelo.

João Carvalho terá de decidir até 31 de janeiro em qual das três universidades irá frequentar a licenciatura em Guitarra Clássica.

“Ainda estou a refletir. Já tenho uma ideia, mas ainda não tomei uma decisão final”, afirmou o jovem que a partir de setembro deixará Viana do Castelo rumo a Londres.

“Estou preparado para enfrentar este novo desafio porque também tenho trabalhado para ser uma pessoa independente e responsável. Por outro lado, quero crescer como músico”, referiu João Carvalho.

Desde 2014, João Carvalho conquistou oito prémios em concursos nacionais e internacionais de guitarra, tendo participado em ‘masterclasses’ com José Pina, Hugo Sanches e Eduardo Isaac.

No texto que publicou nas redes sociais, João Carvalho refere que o “sonho” de alcançar o “sucesso” representou “milhares de horas de exigente e abnegado estudo, horas de frustração, cansaço e lágrimas, mas também de muitas alegrias, conquistas e sorrisos”, e descreve os 45 minutos das provas que efetuou em Londres como os “mais importantes” que viveu até agora.

“Nesses 45 minutos pus um término a todas as minhas ansiedades e medos e fiz deles os melhores instantes da minha vida, por realmente entender que é isto que eu quero fazer durante toda a minha existência”, reforçou.

Realçou também a “importância” do pai neste seu “crescimento e evolução enquanto artista e indivíduo”, “não só pela sua herança genética, mas também pelo carinho e apoio nos bons e maus momentos” durante o seu percurso.

Comentários

Acerca do autor

Agência Lusa

Agência Lusa