Braga Destaque

Braga. Descoberta causa da queda de aeronave em 2012 que matou ocupantes

Queda de aeronave em Braga 2012 © Arquivo RTP
Redação
Escrito por Redação

Foi dada como concluída, seis anos depois, a inquirição do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e Acidentes Ferroviários, sobre o trágico acidente que retirou a vida a dois ocupantes de uma aeronave que caiu em Palmeira, no concelho de Braga.

Citada pelo jornal Correio da Manhã, a inquirição aponta que a aeronave tinha ativo um de dois depósitos  que já não teria combustível, o que levou a perda de potência do meio aéreo, originando a queda.

O outro depósito ainda teria 12 litros de combustível mas não foi ativado pelo piloto, Jaime Cardoso, na altura com 75 anos.

O na altura presidente do aeródromo de Braga, Francisco Andrade, disse à agência noticiosa Lusa que o piloto era “muito experiente, já tinha até sido instrutor e tinha milhares de horas de voo”.

A avioneta, modelo “Paulistinha 56 CU”, fora uma oferta do Presidente do Brasil, Juscelino Kubitschek de Oliveira, quando este visitou Portugal.

A aeronave tinha já mais de 40 anos, e “afocinhou” a apenas dois metros de uma habitação no lugar de São Pedro, em Palmeira, matando os dois ocupantes.

Notícia autalizada com substituição de “motor” por “depósito de combustível”. Aos visados as nossas desculpas.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação