Destaque Região

Movimento de esquerda convoca protesto por um novo hospital em Barcelos

Frente Unitária Antifascista FAS / Semanário V
Fernando André Silva

A construção de um novo hospital público em Barcelos tem conhecido sucessivos adiamentos dos últimos Governos e a questão tem atraído críticas da esquerda política, sobretudo por parte do Bloco de Esquerda e, agora, pelo Movimento Alternativa Socialista (MAS).

O MAS de Barcelos, liderado por está a convocar um ato de protesto no campo da feira, em Barcelos, para o próximo sábado, dia 26, a partir das 15h30, sob o mote da exigência de um novo hospital para aquele concelho.

Em comunicado enviado à nossa redação, Vasco Santos, coordenador do MAS no distrito de Braga, explica que “a construção do novo hospital em Barcelos tem sido sistematicamente adiada”.

“As promessas em eleições rapidamente  são esquecidas depois de   conquistados os votos. O PS estrangula o financiamento  do SNS, ao
mesmo tempo que alimenta os grupos privados da Saúde,tal como o   PSD/CDS fazem quando são Governo. 51% do financiamento das empresas de saúde privada vem já do O.E.”, refere o mesmo comunicado do movimento de esquerda.

O MAS é um dos elementos que compõe a Frente Unitária Antifascista, movimento nascido em Braga e que tem causado polémica na luta pública contra algumas figuras associadas a ideiais de extrema-direita, como é o caso de Mário Machado ou Maria Vieira.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista