País

Rui Silva questiona almirante da Armada Portuguesa

Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

O deputado do PSD questionou o almirante da Armada, na sua intervenção na Comissão de Defesa Nacional, na Assembleia da República, no âmbito da discussão da Lei de Programação Militar (LPM).

Os objetivos da Defesa Nacional incluem a aquisição de seis Navios de Patrulha Oceânicos, de um Navio Polivalente Logístico e de um Navio Reabastecedor e o projeto de aquisição das fragatas de nova geração, aos quais Rui Silva questiona se, em relação ao Navio Polivalente Logístico, “os estaleiros terão capacidade para construir um navio daquela dimensão?”

O deputado prossegue, manifestando preocupação acerca dos “constrangimentos de ordem processual”, e interroga sobre a possibilidade de “garantir que será um navio que vai ser construído nos estaleiros de Viana do Castelo ou se teremos de recorrer a estaleiros estrangeiros para a sua construção, uma vez que poderão haver constrangimentos processuais envolvidos”.

Os seis Navios de Patrulha Oceânicos são fundamentais para completar o dispositivo naval nacional, com vista ao cumprimento de missões de busca e salvamento, assim como de vigilância, patrulha e fiscalização. Também a aquisição de um Navio Polivalente Logístico é uma prioridade desta nova proposta de lei.

O Chefe do Estado-Maior da Armada afirmou, ainda, que o grande objetivo é “manter a marinha pronta e prestigiada como pilar fundamental da afirmação de Portugal como nação marítima empenhada na defesa dos seus interesses, na proteção dos portugueses e como parceiro credível na construção de um futuro mais seguro e sustentável”.​

 

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista