Destaque Região

Bomba em Valença era afinal uma “balona”, material pirotécnico de baixa perigosidade

Fernando André Silva

O engenho explosivo que mobilizou meios de socorro e uma brigada de minas e armadilhas, ao início desta tarde, em Valença, era afinal uma “balona”, frequentemente utilizada como artigo pirotécnico em festas e romarias.

Segundo fonte da GNR, citada pelo Jornal de Notícias, trata-se de “uma balona – material pirotécnico utilizado em festas e romarias – de baixa perigosidade”

O objeto foi destruído num terreno adjacente à estação.

Foram mobilizados para o local seis operacionais e duas viaturas dos Bombeiros de Valença e uma patrulha da GNR. A circulação ferroviária na linha do Minho esteve condicionada desde as 15h15, em Valença.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista