Destaque Vila Verde

Município de Vila Verde cria uma plataforma digital para comunicar queimas e queimadas

FAS / Semanário V
Redação
Escrito por Redação

O Município de Vila Verde criou uma plataforma digital, na qual as pessoas podem registar e comunicar às autarquias locais a realização de queimas e queimadas.

Segundo os Bombeiros Voluntários de Vila Verde, ficou determinado que, fora do período crítico de incêndios, os cidadãos comuniquem previamente às autarquias a realização das queimas. Desta forma, o Município de Vila Verde avançou com o lançamento de uma plataforma online para que a população possa registar as comunicações prévias, desde que o risco de incêndio não seja muito elevado ou máximo, tendo em conta que nestes casos a sua realização é proibida.

O site do Município adianta que “fora do período crítico (até 1 de junho ou após 30 de setembro), quando o índice de risco de incêndio não seja de níveis muito elevado ou máximo, a queima de matos cortados, amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração está sujeita à comunicação prévia à autarquia local”.

É possível fazer esta comunicação através do preenchimento dos campos do formulário eletrónico que o site do município apresenta na secção “ambiente”, sendo que após a submissão a comunicação prévia é diretamente encaminhada para a GNR, sendo enviado um comprovativo para o e-mail do utilizador. Pode, também, ser feita a comunicação telefonando para os serviços municipais ou para a GNR, ou, ainda, através da aplicação informática disponível no site do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

 

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação