Braga Destaque

Braga Ciclável envia carta aberta ao município a lamentar erros nos bicicletários

© Braga Ciclável
Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

A organização Braga Ciclável enviou uma carta aberta ao presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, e ao vereador da Gestão e Conservação do Espaço Público, João Rodrigues, a lamentar não ter sido considerada e ouvida para a colocação dos bicicletários na cidade de Braga.

A instalação de estacionamentos adequados para bicicletas na cidade é uma das reivindicações mais antigas da Braga Ciclável, sendo que a medida foi destacada como uma das mais urgentes na Proposta Para Uma Mobilidade Sustentável, lançada em 2012.

A Braga Ciclável afirma que “a partir de 2015, os planos que vinham sendo elaborados pelo município para colocação de bicicletários em mais locais onde fazem falta, começaram, estranhamente, a ficar na gaveta”. Acrescentam, ainda, que “houve alguns estacionamentos para bicicletas a serem eliminados, houve propostas vencedoras de orçamentos participativos a não serem executadas, e os novos estacionamentos por que todos tanto esperávamos na cidade de Braga começaram a tardar”.

Segundo a organização, na apresentação da Semana Europeia da Mobilidade, o município prometeu a colocação de 75 novos bicicletários (150 lugares) na cidade até ao final do ano de 2018. Em outubro desse ano, a Braga Ciclável foi contactada pela Arquiteta Filipa Corais, da Divisão de Trânsito e Mobilidade, informando que o processo de instalação de “cerca de 75 bicicletários” estava “em curso aguardando a conclusão do processo de contratação pública” e que se estimava serem colocados “até ao final do ano”. A arquiteta afirmou, ainda que o município de Braga já tem o planeamento da respetiva localização destes equipamentos que será divulgado no site do município oportunamente”.

Em dezembro, foram apresentadas publicamente as 39 localizações previstas para os (afinal) 78 bicicletários e, em janeiro deste ano, a organização Braga Ciclável começou a receber relatos de associados e fotografias sobre algumas estruturas que estavam a ser colocadas na via pública que, apesar da falta de sinalização pareciam ser bicicletários, mas com dimensões diferentes dos já instalados em Braga.

A Braga Ciclável dirigiu-se aos locais para avaliar a instalação das mesmas estruturas, tendo verificado que havia problemas sérios ao nível das dimensões, localização e proteção dos bicicletários.

“Por esses motivos, decidimos enviar uma carta aberta dirigida ao Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, e ao Vereador da Gestão e Conservação do Espaço Público, João Rodrigues. O email seguiu na sexta feira, dia 1 de fevereiro, e aguardamos até ontem, dia 13, que o Município efetuasse as devidas correções e/ou respondesse às questões levantadas, o que até ao momento não se verificou”, declara a organização de Braga.

Na carta enviada, é referido que a associação ajudou a definir as localizações do Plano de Implementação de Estacionamentos para Bicicletas em Braga, sendo que deixaram o alerta “de que as distâncias entre infraestruturas deveriam ser maiores, tal como recomendado pelos manuais de boas práticas”.

“Esta semana ficamos perplexos por vermos serem instalados bicicletários que não estavam previstos nesse plano, com uma má localização e sem respeitar as dimensões recomendadas dos guias”, acusa, ainda, a organização.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista