Braga Destaque Região

Cerca de 890 emigrantes reformados de Braga podem votar no Luxemburgo

Eleições no Luxemburgo © Reuters
Fernando André Silva

Cerca de 890 antigos emigrantes bracarenses no Luxemburgo, agora reformados em Portugal, podem votar no próximo “Parlamento dos Trabalhadores” luxemburguês.

A nível nacional, são cerca de 9.000 os antigos emigrantes portugueses que agora estão reformados naquele país, mas que regressaram a Portugal, divulgou este domingo a central sindical luxemburguesa OGBL.

Tratam-se de portugueses que “recebem uma pensão de reforma, de viuvez ou de invalidez da Segurança Social luxemburguesa” que lhes confere direito de voto “nas eleições sociais do Luxemburgo”.

Estas eleições sociais, que decorrem de cinco em cinco anos, visam eleger os representantes dos trabalhadores e dos pensionistas para a Câmara dos Trabalhadores do Luxemburgo.

Segundo a central sindical, “muitos dos reformados que vivem em Portugal não conhecem este direito”. “É importante todos votarem e é importante reenviarem o boletim de voto antes de 12 de março”, salienta.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista