Destaque Vila Verde

Vila Verde. Eleições europeias adiam inauguração de avenida em Aboim

Av. D. João de Aboim (c) FAS / Semanário V
Fernando André Silva

A inauguração da Avenida D. João de Aboim, em Aboim da Nóbrega e Gondomar, foi adiada para uma data a designar devido à proximidade das eleições europeias, marcadas para o próximo mês de maio.

Inicialmente agendada para este domingo, dia 10 de março, a inauguração não será levada a cabo pela Câmara de Vila Verde por ser proibido, por parte da Comissão Nacional de Eleições, “qualquer publicidade institucional por parte dos órgãos do Estado e da Administração Pública de atos, programas, obras ou serviços”, nos dois meses que antecedem as eleições.

Em comunicado, a autarquia vila-verdense aponta uma nota informativa por parte da Comissão Nacional de Eleições indicando que a proibição entrou em vigor no passado dia 26 de fevereiro. Isso fez com que a Câmara decidisse adiar a obra, uma vez que estaria em incumprimento e poderia ser sancionada.

A construção desta avenida iniciou-se em maio de 2017, no período pré-eleitoral, e tinha prazo de execução de dois meses. Acabou, no entanto, por ficar parada durante mais de um ano. Os trabalhos retomaram depois do verão de 2018 e a inauguração estava prevista para este domingo.

Em investimento a rondar os 100 mil euros, foram colocados passeios e retirada a calçada, substituída por pavimento alcatroado. Esta era uma necessidade devido às más condições durante o inverno para a circulação rodoviária nesta que é a principal via de acesso ao centro de Aboim da Nóbrega.

“Uma obra há muito ansiada pela população”, disse João Fernandes, presidente da junta, em janeiro de 2017, quando foi anunciado pela Câmara de Vila Verde que a obra iria avançar.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista