Braga Cultura

Via-Sacra de Braga já é ilustrada a carvão. E há uma exposição para o público

Exposição ilustrada Via Sacra de Maximinos © FAS / Semanário V
Fernando André Silva

Foi hoje inaugurada a nova exposição ilustrada da Via-Sacra de Maximinos, cada vez mais conhecida como Via-Sacra de Braga. Dividida em 15 telas, a obra é da autoria da ilustradora Ana Gabriela, e estará patente no Centro Comercial Nova Arcada, até 21 de abril.

Lídia Dias, vereadora da Cultura da Câmara de Braga, esteve presente na inauguração desta tarde, revelando que esta é uma forma “eficaz e criativa de passar mensagens e convidar os mais novos a uma introspeção” sobre o período quaresmal que antecede a Páscoa.

Lídia Dias dirige-se ao público na inaguração da exposição

“A Semana Santa traz-nos essa introspeção pela mão da ilustradora Ana Gabriela, um trabalho de arte e criatividade de imensa força porque é isso que nos transmite as ilustrações”, aponta, destacando ainda a forma como “soube através do carvão passar para o papel em branco todos os diferentes momentos da história da paixão de Jesus”.

Sobre a via-sacra de Maximinos, que sai à rua no próximo dia 14 de abril e já é uma das maiores (ou talvez a maior) da Península Ibérica, a vereadora adianta que “para o Município é uma enorme satisfação ver a sociedade civil conseguir alicerçar um projeto ambicioso que ultrapassa as fronteiras da freguesia de Maximinos e congregar tantos parceiros”.

Diretor do Nova Arcada recebeu galardão entregue por Francisco Mota © FAS / Semanário V

Também Francisco Mota, coordenador-geral desta via-sacra, destaca a “união” da população como “fundamental” para a realização da via-sacra e deixou elogios à autora das ilustrações que ornamentam aquele centro comercial, agradecendo ainda a Pedro Leite, diretor do centro comercial Nova Arcada, a quem entregou uma lembrança simbólica.

Segundo o elemento da organização, a via-sacra de Maximinos continua a “afirmar-se como sendo a via-sacra de Braga”, assinalando que “é a maior da Peninsula Ibérica”. Citando o Papa Francisco, refere que “este é o momento de oportunidade” para projetar à comunidade e afirmar na região e país a “fé do povo [bracarense] em torno da cultura e religião”.

Exposição ilustrada Via Sacra de Maximinos © FAS / Semanário V

Sobre a exposição, Francisco Mota destaca o “sentimento de dor que não é de um homem mas si dos homens” incutido”pela mão da artista Ana Gabriela”. “Isto são linhas dos tempos. Viver e desenhar sem guache com a certeza que podemos e devemos, através de Cristo, perpetuar a entrega ao próximo, na solidariedade e fraternidade”.

Já Luís Pedroso, presidente da Junta de Maximinos, Sé e Cividade, agradeceu a oportunidade ao Nova Arcada, através do responsável Pedro Leite, por mais uma oportunidade de exposição. “Obrigado por nos abrirem sempre as portas”, disse, reforçando que este evento já não é só de Maximinos “mas sim de Braga”.

Luis Pedroso, presidente da Junta de Maximinos, Sé e Cividade © FAS / Semanário V

O autarca salientou a persistência dos voluntários que organizam este evento sem qualquer contrapartida financeira. “A única coisa que recebem é chegar ao final do dia 14 com o espírito de missão cumprida”, vinca.

A via-sacra de Maximinos parte pelas 21h30 do lugar do Penedo, em Maximinos, no próximo dia 14 de abril.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista