Destaque Vila Verde

Vila Verde. Criam sistema que avisa condutores quando aproxima uma ambulância

Dario Pereira e Sandro Pereira © FAS / Semanário V
Fernando André Silva

Um dispositivo que emite um sinal de pré-aviso a condutores de que uma ambulância em serviço de emergência se aproxima está a ser desenvolvido por dois irmãos nascidos na Vila de Prado. Sandro, agora a viver em Braga e Dario, agora a viver na freguesia de Oleiros, Vila Verde, têm em marcha um protótipo deste sistema que poderá ser implementado em modo “piloto” na cidade de Braga a breve prazo.

Ao Semanário V, os irmãos explicam que este sistema funcionará com recurso a video-painéis instalados em pontos críticos do trânsito e onde habitualmente as ambulâncias têm dificuldade em “furar” o tráfego rodoviário.

“Quando uma ambulância aciona o sinal de emergência, num raio de seis quilómetros é enviado um sinal para que os vídeo-painéis indiquem de onde vem a ambulância e aconselham os automobilistas a abrirem uma faixa de segurança”, explica Dario.

Projeto SPA / DR

O protótipo deste sistema já foi apresentado na Universidade do Minho com recurso a um mini-vídeo-painel e um emissor de sinal de emergência, deixando excelentes indicadores.

A proposta já foi comunicada à Câmara de Braga que parece ter acolhido bem a ideia. No entanto, os custos ainda não são conhecidos, como conta Sandro ao Semanário V. “Estamos em contacto com um fabricante deste tipo de painéis de forma a perceber de quanto será o investimento total”, salienta.

Dario Pereira e Sandro Pereira © FAS / Semanário V

O projeto foi já apresentado a Ricardo Fernandes, membro do Gabinete do Governo e responsável pela Segurança Rodoviária em Portugal, que acolheu bem a ideia e levou o dossiê para ser analisado no elenco governativo.

Os dois irmãos salientam ainda que esta ideia está a ser bem acolhida por implicar melhorias em vários indicadores, salientando que estudaram vários casos para perceber em que medida este novo sistema pode beneficiar a causa pública.

“Caso a ambulância chegue mais rápido ao hospital, não é só o tempo que poupa, que muitas vezes pode ser crucial para a vida do doente, mas é também uma ambulância que fica disponível mais rapidamente”, aponta Dario.

Sandro refere que está expectante para que o projeto seja implementado. “Escolhemos Braga por ser aqui e por ter alguns problemas com o trânsito. Eu tive esta ideia quando ia numa rotunda em Lamaçães e ouvi uma ambulância mas não conseguia perceber de onde vinha. Foi aí que me lembrei disto”, confidencia.

Transito em Braga. Foto: Fernando Araújo

“O condutor da ambulância não tem de fazer nada. Mal liga a sirene, o sinal é enviado automaticamente e quando estiver num raio de 6 quilómetros, o painel avisa os condutores”, explica Dario.

A ideia inicial será implementar estes ecrãs em locais onde há habitual congestionamento em Braga, como nas rotundas de Infias, Celeirós e do Fojo, nos principais acessos à cidade de Braga.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista