Destaque Vila Verde

CPCJ de Vila Verde promoveu conferência sobre o direito das crianças

Conferência © Luís Ribeiro
Redação
Escrito por Redação

Decorreu, na passada sexta-feira, na EPATV, uma conferência que abordou o tema do direito das crianças. Intitulada ”O Direito das Crianças: da prática ao superior interesse”, esta conferência foi organizada pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Vila Verde.

O objetivo principal da conferência foi sensibilizar a população para a importância da justiça no seio familiar, bem como abordar o interesse da criança e discutir a importância da mediação familiar de conflitos.  Além disso, durante a sessão foi abordado, ainda, o tema relacionado com filhos de pais separados.

O presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, que marcou presença no evento, considera que “é preciso que continue a haver valores na sociedade, valores esses que partem primeiro do seio familiar. Nós queremos no futuro a sociedade que preparamos hoje e nunca é cedo para começarmos essa preparação”.

O autarca assegura que a educação é vista como uma prioridade em Vila Verde, sendo que é o principal fator de “um concelho mais solidário e com jovens mais felizes”.

A presidente da CPCJ de Vila Verde, Beatriz Santos, afirma que “sem qualidade na infância, não há qualidade humana e sem qualidade humana não há desenvolvimento”.

A conferência foi moderada por José António Barreto Nunes, juiz conselheiro do Supremo Tribunal de Justiça agora jubilado, acompanhado dos conferencistas Francisco Maia Neto, procurador-geral da República adjunto, do juiz de Direito do Tribunal de Lisboa, Joaquim Manuel Silva, do advogado e mediador familiar, Jorge Nande, e da pedo-psicóloga da ULSAM, Margarida Rodrigues.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação