Braga Destaque

UMinho considerada a melhor universidade do país em desenvolvimento sustentável

Campus de Gualtar
Redação
Escrito por Redação

A Universidade do Minho é a melhor instituição de ensino superior em Portugal e a terceira da Península Ibérica a cumprir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, segundo a primeira edição do “THE Impact Rankings”, que a publicação Times Higher Education acaba de lançar.

A nível mundial, a UMinho ocupa a 83.ª posição. O compromisso que mantém com a sustentabilidade foi evidenciado nos critérios “parcerias para a implementação dos objetivos”, “educação de qualidade”, “cidades e comunidades sustentáveis”, “indústria, inovação e infraestruturas” e “saúde de qualidade”. O ranking avaliou o impacto social e económico de mais de 450 universidades de 76 países no cumprimento de 11 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Em comunicado, a universidade destaca que este resultado “demonstra o empenho da UMinho no cumprimento daqueles Objetivos da ONU, não apenas através do ensino, investigação e transferência de conhecimento, mas também incorporando-os nas suas práticas internas, políticas e procedimentos, com evidências verificáveis das suas atividades”.

As universidades de Aveiro, Nova de Lisboa e o ISCTE também aparecem no ranking. O topo da lista é ocupado pelas universidades de Auckland (Nova Zelândia), McCaster e Columbia Britânica (ambas do Canadá).

A UMinho foi a primeira universidade europeia a alinhar nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e a primeira do país a iniciar o relato público dos indicadores de sustentabilidade (em 2010), bem como a ser incluída na rede International Sustainable Campus Network, tendo ainda aderido à iniciativa United Nations Global Compact.

A academia é um elemento catalisador da sua região, gerando impacto económico positivo anual acima de 200 milhões de euros, a que estão associados mais de 5000 postos de trabalho.

 

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação