Destaque Região

Em Lindoso há uma “porta” para o Parque do Gerês. E ali começa zona de caça

Foto: FAS / Semanário V
Fernando André Silva

Desde 2009 que o Parque Nacional Peneda-Gerês ostenta cinco portas de entrada em diferentes municípios. Uma delas é a Porta de Lindoso, situada naquela freguesia do concelho de Ponte da Barca, e dá acesso direto à Serra Amarela, um maciço rochoso com 1.359 metros de altitude que se estende até Espanha, sendo a única porta transfronteiriça que permite visitar o Parque Baixa Limia/Serra do Xurés.

Vista no topo da Serra Amarela | Foto: FAS / Semanário V

É também considerada a porta central de entrada para aquele parque. Lê-se, nos placards informativos que é interdita a caça e a pesca dentro do parque. No entanto, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) permite a caça numa área de 1.588 hectares, integralmente incluídos dentro do PNPG, segundo despacho publicado no portal do ICNF que entrou em vigor a 31 de janeiro de 2018.

Foto: FAS / Semanário V

Foto: FAS / Semanário V

Ao lado do primeiro placard informativo a dar entrada naquela área protegida é possível verificar um sinal que indica zona de caça associativa. Atualmente as espécies cinegéticas [adequadas para a prática da caça] que se podem encontrar na Serra Amarela são entre outras, o coelho, a perdiz, e o javali. Há, no entanto, registo da presença de lobos, garranos e gado bovino e caprino naquela área, sendo interdita a caça a estas espécies.

Lobo na neve no Gerês © Carlos Pontes

O despacho já citado permite ao Clube de Caça e Pesca da Freguesia do Lindoso a exploração da área em termos de caça daquelas espécies. Foi assinado pelo vice-presidente do Conselho Diretivo do ICNF, Paulo Salsa. (processo n.º 4168-ICNF)

A área abrangida sofreu uma redução de quase 900 hectares comparativamente ao despacho anterior. por existirem prédios localizados em áreas classificadas como de Proteção Parcial do Tipo II, onde a atividade cinegética é interdita, de acordo com o Plano de Ordenamento do Parque Nacional da Peneda Gerês (n.º 3 do artigo 29.º da Resolução do Conselho de Ministros n.º 11-A/2011, de 4 de fevereiro). Até então, realizava-se a prática da caça nesses locais.

A serra Amarela ergue-se entre a serra do Gerês, com a porta do Campo do Gerês [Terras de Bouro]  e a serra do Soajo, com a porta de Mezio [Arcos de Valdevez]. As outras duas portas de entrada do PNPG estão em Paradela [Montalegre] e Lamas de Mouro [Melgaço].

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista