Braga

Socialistas de Braga querem Isabel Estrada no Parlamento Europeu

O Secretário Geral do Partido Socialista (PS), António Costa levou ao rubro uma grande falange de socialistas e apoiantes de todo o distrito de Braga, que se juntaram na noite de ontem no Sameiro, para um evento que serviu para promover os candidatos às eleições europeias, no próximo dia 26 de maio. Entre eles está a número 10 da lista, Isabel Estrada Carvalhais, que “jogou” em casa.

Doutorada em sociologia pela Universidade do Minho, onde é docente, a bracarense, sem filiação política, associou-se ao projeto do PS com uma “visão de cidadão” e pretende ser “uma voz de esquerda” eleita pelo distrito de Braga, disse em março ao Semanário V. E as sondagens são-lhe favoráveis, com os socialistas a liderarem as intenções de voto com 39,2%, o que permitiria a eleição de dez deputados.

Na intervenção desta sexta-feira, Costa defendeu que a lista do PS às Europeias marca a diferença por ser “uma lista totalmente paritária, com renovação e com gente com trabalho feito por Portugal”, sendo nesse contexto que considerou a candidata indicada por Braga “uma aposta duplamente feliz, pela sua enorme competência e por respeitar esse princípio da paridade”, por isso, considerou que “as mulheres, o Minho e Portugal merecem que a Isabel Estrada Carvalhais vá para o Parlamento Europeu” .

Dirigindo-se também aos presentes, Isabel Estrada Carvalhais revelou um dos valores que a levaram a aceitar este desafio: “O projeto do PS quer recuperar a matriz identitária da Europa: a solidariedade”, valorizando “os mais vulneráveis, desde os jovens, até aos idosos”.

Pedro Marques, cabeça de lista do PS nas Europeias e Pedro Silva Pereira defenderam as propostas socialistas para a Europa, lamentando que os opositores tenham preferido “uma campanha de calúnias, em vez de apresentar propostas de trabalho”. Os candidatos defenderam um projeto que “vai levar para a Europa o bom trabalho que tem sido feito em Portugal”.

O presidente da Federação e deputado Joaquim Barreto revelou-se particularmente feliz pela “demonstração de força que o PS do distrito de Braga manifestou aqui, esta noite”, não duvidando que “no próximo 26 de maio o distrito vai contribuir decisivamente para a grande vitória do PS” nas eleições Europeias e “Braga terá uma nova eurodeputada, que defenderá com dinamismo e competência Portugal e a região no Parlamento Europeu”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação