Braga

Câmara de Braga aprova contas de 2018 com votos contra de PS e CDU

© Sérgio Freitas
Redação
Escrito por Redação

A Câmara de Braga aprovou esta segunda-feira a proposta do Relatório de Gestão e Contas de 2018 apresentado pelo executivo PSD/CDS-PP, com os votos contra da oposição do PS e CDU.

A ala de esquerda votou contra por achar que o investimento de 18,3 milhões de euros é “manifestamente baixo”.

Ricardo Rio, presidente da Câmara de Braga, respondeu que foi um ano de “grandes realizações” em vários níveis, salientando que o investimento duplicou em relação ao “ano eleitoral” de 2017.

“Os números mostram uma câmara a trabalhar em contraciclo eleitoral, já que o normal é haver uma míngua de investimento durante todo o mandato e um investimento voraz em ano de eleições e em Braga foi ao contrário”, disse o autarca,

Ricardo Rio destacou investimentos na requalificação do antigo Parque de Exposições de Braga, atual Forum Braga, e no parque desportivo da Rodovia, que, diz o edil, transformaram  “a realidade da cidade”.

Já Artur Feio [PS] e Carlos Almeida [CDU], vereadores da oposição, referiram que é normal duplicar o investimento de 2017 pois foi um ano com “valores muito baixos.

Artur Feio refere que “um concelho como Braga precisa de ter sempre um investimento anual na ordem dos 25 a 30 milhões de euros”,

Já Carlos Almeida referiu que o novo Forum e a Rodovia foram as “obras físicas” de 2018 e que o resto foi um ano de “atrasos e adiamento de projetos”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação