Destaque Vila Verde

Foi pedir abrigo no quartel depois de roubar jipe aos Bombeiros de Braga

Bombeiros Voluntários de Braga 2019 © FAS / Semanário V
Fernando André Silva

O jovem que foi detido e depois libertado na sequência do furto do jipe de comando dos Bombeiros Voluntários de Braga regressou àquele quartel para pedir guarida noturna, apurou o Semanário V.

Natural de Cabanelas, o jovem de 22 anos terá problemas de ordem psíquica e está a frequentar uma instituição no centro da cidade de Braga que apoia a inclusão social. No entanto, essa instituição não dispõe de internato noturno e os utilizadores têm de regressar a casa ao final do dia.

Ao que apurámos, cerca de uma semana depois de ter furtado o jipe, a 20 de março deste ano, o jovem que residiu até bem pouco tempo num acampamento em Amares, regressou ao quartel dos Bombeiros Vol. de Braga, pedindo para passar aquela noite no quartel.

O jovem terá indicado aos bombeiros que se encontrava a dormir na rua e queria, a toda a força, permanecer naquelas instalações.

A PSP foi na altura alertada para o sucedido, tomando conta da ocorrência e dissuadindo o jovem que já tem um processo pelo furto seguido de acidente do jipe daquela corporação.

Foi encontrado a alguns quilómetros de distância, pelas 2 horas da manhã do passado dia 20 de março, na sequência de um acidente rodoviário, por militares da GNR.

Estes, vendo tratar-se do jipe dos BVB, contactou aquela instituição, que ainda não teria conhecimento do furto do jipe durante a madrugada.

A viatura acabou por sofrer algumas mazelas, assim como o carro envolvido na colisão com o jipe. O jovem não tinha carta de condução. Foi presente ao juiz e libertado com medidas de coação enquanto aguarda julgamento.

Comentários

Acerca do autor

Fernando André Silva

Fernando André Silva

Jornalista