Braga

JP/Braga alerta jovens para o consumo excessivo de álcool no Enterro da Gata

Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

A Juventude Popular de Braga, em conjunto com o Núcleo de Estudantes Populares da Universidade do Minho (NEPUM), promoveu uma ação de conscientização sobre os excessos cometidos no que respeita ao consumo de álcool. A iniciativa, intitulada “Devia ser só o Enterro da Gata!”, aconteceu no 4.º dia das festas académicas.

Para Tomás Fraga Pereira, presidente do NEPUM, “estas celebrações e tradições são um direito de todos aqueles que estudam na Academia, fazem parte de um património que guardaremos para sempre na nossa memória”.

O presidente do NEPUM sublinhou, no entanto, que a manutenção destas celebrações “depende de todos” e a “responsabilidade deve ser a palavra de ordem para honrar o verdadeiro espírito académico”.

Tomás Fraga Pereira, refere que “os festejos do Enterro da Gata convidam todos os estudantes a unirem-se num momento de alegria, união, partilha e confraternização. É uma semana repleta de momentos que ficam na memória de todos aqueles que a vivem, uma experiência que fica gravada na memória dos nossos estudantes”.

O líder da Juventude Popular de Braga, Francisco Mota, apela a todos os jovens para que “não troquem o sorriso dos que caminham convosco pela amargura da tragédia. Não troquem a dignidade dos vossos pelo ridículo do exagero. Não troquem o humanismo pelo abuso. Não troquem o cortejo pela indignação. Não troquem a academia pela vergonha”, finaliza.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista