País

Portugal é o terceiro país do mundo onde mais se acredita no Governo

Redação
Escrito por Redação

Um estudo da Fundação Aliança de Democracias e do centro de sondagens “Dalia Research”, sediado na Alemanha, conclui que Portugal é o terceiro país do mundo que mais se sente representado pelo Governo, sentindo também a população portuguesa que a voz do povo pode interferir nas questões políticas.

Este estudo intitula-se o “maior estudo do mundo sobre a confiança nos governos”, sendo classificado como “Index de Percepções Democráticas 2018, e ouviu 125 mil pessoas de 50 países de todo o mundo, democráticos e não democráticos, numa amostra representativa de 75% da população e da economia mundiais.

Na introdução deste estudo é possível ler-se que “a maioria das pessoas que vive em democracias está desiludida com a ideia de que o seu Governo é formado pelo povo e trabalha para o povo”.

Segundo Nico Jaspers, diretor executivo da Dalia Reserach, “neste momento, o maior risco para as democracias é que o público não as considera mais democráticas”.

As duas perguntas centrais questionam se os cidadãos sentem que o seu Governo age representação do interesse público e se consideram que a sua voz conta em política.

Os portugueses destacaram-se pela positiva, sendo que 71% dos inquiridos respondeu que sim, pensa que o Governo age em representação dos seus interesses, e 62% considera que a voz do povo conta na política. Portugal fica em terceiro lugar no indice de respostas positivas às duas questões.

Na primeira questão, apenas Quénia e Áustria sentem-se mais representados pelo seu Governo do que os portugueses, enquanto na segunda, Portugal é apenas superado por Japão e Polónia.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação

Deixar um comentário