Braga Destaque Vila Verde

Primeiro dia da greve dos motoristas decorre com normalidade em Braga e Vila Verde

BP Braga Foto: Mariana Gomes / Semanário V
Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

Os vários postos de combustíveis em Braga e Vila Verde encontram-se praticamente sem carros neste primeiro dia de greve dos motoristas, que vai decorrer por tempo indeterminado.

O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM) e o Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) iniciaram hoje uma paralisação que pretende afetar a vida dos portugueses num período forte para o turismo.

A greve arrancou com 439 postos sem combustível, num total de 2.928 postos. Braga e Vila Verde não estão, ainda, a sofrer os contornos da crise energética instalada no país. Nos vários postos de abastecimento as filas são inexistentes e são poucos os carros a abastecer, segundo constatou o Semanário V no local.

O trânsito na cidade de Braga diminuiu e o uso de transportes públicos aumentou.

Os motoristas cumprem hoje o primeiro dia de uma greve marcada por tempo indeterminado e com o objetivo de reivindicar junto da associação patronal Antram o cumprimento do acordo assinado em maio, que prevê uma progressão salarial.

Governo vai avançar com a requisição civil na greve dos motoristas

O anúncio será feito às 19h na SIC notícias. O Executivo vai reunir-se ao final da tarde em Conselho de Ministros e vai decretar a requisição civil relativa à greve dos motoristas.

António Costa afirmou que os serviços mínimos não estão a ser cumpridos durante a tarde, ao contrário do que aconteceu durante a manhã.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista