Ambiente Braga Destaque

Vários sacos de lixo e centenas de beatas recolhidas em praias fluviais de Braga

Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

Mais uma vez, a Praia Fluvial de Merelim S. Paio foi alvo de uma ação de plogging, atividade que alia a prática de jogging com a apanha de lixo.

Durante esta ação, foram recolhidos dois sacos de lixo de 30 litros, além de 5 placas de contraplacado, tubagens, caixas de cerveja, placa de frigorifico e vários resíduos recicláveis.

No mesmo local, no parque de estacionamento, foram ainda recolhidas 172 pontas de cigarro em apenas 20 minutos.

Num total de uma hora, esta ação foi mais um pequeno passo no combate à pegada ecológica de Braga.

Carlos Dobreira já é praticante atual desta atividade, tendo já recolhido mais de 10 mil pontas de cigarro na zona do Bom Jesus do Monte, no início do verão.

Esta nova ação de plogging chama-se “Não acredites nos políticos!” e pretende recolher 50 sacos de 30 litros de lixo.

Segundo Carlos Dobreira, “até ao momento, foram recolhidos 6 sacos a que acresce monos e lixo indiferenciado, bem como 762 beatas de cigarro (neste caso, na Praia Fluvial de Adaúfe)”.

Também no passado dia 30 de agosto, a Praia Fluvial de Adaúfe e imediações foram alvo de uma ação de plogging, na qual foi possível recolher um saco de lixo de 30 litros com resíduos recicláveis, caricas, garrafas de vidro, pregos, latas, paus de gelados, embalagens de cremes protetores.

Foram também recolhidas centenas de beatas (762) existentes no mesmo local.

“Numa breve visita ao interior do Parque, apesar de apresentar limpeza foi possível observar beatas de cigarro e maços de cigarro”.

Esta ação decorre desde 7 de agosto até 31 de dezembro de 2019.

“O nome da ação é dedicado aos políticos do concelho, aos quais não reconheço um desempenho capaz, competente e coerente em prol do desenvolvimento sustentável e da promoção da educação ambiental”, afirmou Carlos Dobreira.

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista