Barcelos Destaque

IPCA mantém a preferência nível nacional com taxa de colocação perto dos 100%

Mariana Gomes
Escrito por Mariana Gomes

Já são conhecidos os resultados do Concurso Nacional de Acesso aos cursos de licenciatura para o ano letivo 2019/2020. O IPCA ofereceu 680 vagas, tendo sido ocupadas 636 na primeira fase, representando uma taxa de colocação de 94% e um aumento de 13 estudantes face ao ano anterior.

Em comunicado, o IPCA refere que “não podia estar mais satisfeito com os seus resultados” e com a elevada procura, tendo recebido mais de 3.500 candidaturas para as 680 vagas disponíveis.

Estes resultados colocam o IPCA na 3.ª posição ao nível da procura dos politécnicos, logo a seguir ao Instituto Politécnico do Porto e do Instituto Politécnico de Lisboa.

Além do aumento das notas de acesso na generalidade dos cursos do IPCA, também o índice de satisfação obtido aumentou. “Este indicador reforça a imagem positiva e de notoriedade da mais jovem instituição de ensino superior público em Portugal”, referiu o IPCA.

Satisfeita com os resultados para o ano letivo 2019/2020, a presidente do IPCA, Maria José Fernandes, destaca a continuidade numa estratégia que aposta na qualidade e na diferenciação da sua oferta formativa, fortemente alinhada com as necessidades do tecido empresarial, e que se reflete nestes excelentes resultados.

Também os cursos em regime pós-laboral ocuparam 100% das vagas disponíveis. A totalidade das vagas disponíveis foi preenchida em 18 dos 22 cursos de licenciatura, sendo que a Escola Superior de Design e para a Escola Superior de Hotelaria e Turismo registam 100% de colocados.

A segunda fase de candidaturas decorre até 20 de setembro e os resultados são divulgados a 26 de setembro.

 

Comentários

Acerca do autor

Mariana Gomes

Mariana Gomes

Jornalista

Deixar um comentário