Destaque

Circulação no concelho de Vila Verde é principal preocupação do PS

Partilhe esta notícia!

Uma comitiva de candidatos a deputados liderados por Sónia Fertuzinhos e José Mendes fez uma visita ao concelho de Vila Verde. Integraram também na comitiva os candidatos a deputados Joaquim Barreto, Palmira Maciel, Nuno Sá e José Morais.

A visita teve principal foco nas acessibilidades e deficiente mobilidade da população de Vila Verde.

O vereador do Partido Socialista, José Morais, considera que as “deficientes acessibilidades no concelho são, de facto, o principal obstáculo ao desenvolvimento concelhio e ao bem-estar das populações”, pelo que esta questão foi um dos assuntos abordados pela comitiva.

A visita serviu para sensibilizar os primeiros candidatos da lista do PS por Braga para o grave problema da circulação no concelho de Vila Verde, bem como pedir para que sejam “os porta-vozes” das necessidades do concelho em  Lisboa nos próximos quatro anos.

José Morais conta, ainda, que, “em Soutelo, acompanhados pelo presidente da junta, Filipe Silva, perceberam a triste realidade com que nos debatemos diariamente. Foi com agrado que vimos os candidatos assumirem também como suas, as nossas preocupações”.

O vereador socialista sublinha que, durante as últimas duas décadas, “Vila Verde tem ficado de fora dos investimentos estruturantes feitos através da utilização de fundos da União Europeia direcionados para a dotação de infraestruturas e acessibilidades. Contudo, nos últimos 4 anos pela mão do governo de António Costa, Vila Verde conheceu fortes investimentos em vias rodoviárias”.

“É por isso que fazemos campanha no terreno, junto das pessoas, com um sentimento de dever cumprido. O PS e António Costa cumpriram para com Vila Verde”, refere José Morais.

No concelho de Vila Verde, José Morais realça vários investimentos realizados, reclamados “há muitos anos”, apontando o maior investimento da Administração Central dos últimos 20 anos em Vila Verde.

A rotunda da Loureira, “reclamada há mais de 10 anos”, é um dos exemplos apontados pelo vereador como um dos projetos que saiu da gaveta, acrescentando o regadio de Soutelo, Prado, Cabanelas e Cervães, que representou um investimento de mais de 8 milhões de euros e encontra-se em construção.

Também a requalificação da EN101, que abrange Soutelo, Loureira, Gême, Pico de Regalados, Prado S. Miguel e Vade, num investimento acima dos 8 milhões, é apontada como exemplo do bom funcionamento do Governo de António Costa.

Além disso, relembra que a variante de Vila Verde foi, pela primeira vez, incluída no Programa Nacional de Investimentos.

“A variante à EN101, a famosa variante a Vila Verde, pela primeira vez entrou num programa do Governo com verba associada. Deu assim um grande passo para a sua concretização”, acrescentou José Morais, que considera que António Costa “cumpriu com Vila Verde”.

Comentários

topo