Braga Destaque Região Vila Verde

José Morais visita a Casa do Povo da Vila de Prado e manifestou preocupação com a baixa natalidade e falta de creches

(c) DR
Redação
Escrito por Redação

Em visita à Casa do Povo da Vila de Prado, acompanhado de uma delegação do PS Vila Verde, o candidato a deputado falou sobre as propostas do partido socialista para o combate à baixa natalidade e sobre as respostas para a falta de creches.

José Morais afirmou que “com a criação do ´complemento-creche´, o governo irá atribuir a quem tenha filhos nas creches ´um valor garantido e universal integrado no abono de família, apoiando em particular a comparticipação no preço a partir do segundo filho´ “.

O candidato a deputado, referiu ainda que “um dos principais constrangimentos ao aumento da natalidade prende-se com a dificuldade ou receio que muitas famílias sentem em concretizar o seu desejo de ter um segundo ou um terceiro filho. Por isso, também propomos o aumento das deduções fiscais em IRS em função do número de filhos e a criação de um ´complemento-creche´ integrado no abono de família para apoiar a natalidade”.

José Morais aproveitou para realçar o papel fundamental que várias instituições concelhias desempenham nesta área afirmando que “Em Vila Verde há várias instituições a fazer um trabalho verdadeiramente notável nesta área.”

 

Preocupação com falta de cheches

Referiu ainda que “em Portugal, 3/4 das creches são de Instituições Particulares e de Solidariedade Social (IPSS), as quais são financiadas pela Segurança Social para garantir preços mais acessíveis às famílias. Depois, as famílias contribuem com uma comparticipação, fixada em portaria, em função dos seus rendimentos da composição do seu agregado familiar. Não obstante, e mesmo com esta comparticipação, os valores praticados são elevados e difíceis de suportar por parte de muitas famílias da classe trabalhadora. Há ainda muito a fazer nesta matéria.”

José Morais defende que ” é necessário, promover, em parceria e com o envolvimento de diferentes atores, incluindo os municípios, um programa de alargamento das respostas sociais de apoio à família, em particular para a infância, designadamente estimulando o alargamento da rede de creches”.

Por fim, referiu que é urgente “estimular a existência de uma rede de equipamentos sociais que assegurem complementos de horário ao tempo de funcionamento normal, para os pais que trabalham em horários menos típico encontrem respostas para os seus problemas”.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação

Deixar um comentário