Barcelos

Sociedade Portuguesa de Física distingue alunos de Barcelos em “Campos Eletromagnéticos”

Sociedade Portuguesa de Física distingue alunos de Barcelos com trabalho sobre Campos Eletromagnéticos

Cinco alunos do Colégio La Salle, em Barcelos, receberam ontem formalmente a menção honrosa na décima edição do Projeto MEDEA, uma iniciativa promovida pela Sociedade Portuguesa de Física e pela REN – Redes Energéticas Nacionais, destinada a promover o conhecimento da Física junto dos jovens portugueses e da sociedade em geral. Os premiados tiveram a oportunidade de apresentar o trabalho à comunidade escolar, às suas famílias e amigos presentes.

A cerimónia decorreu no Colégio La Salle e contou com a presença da vice presidente do Município de Barcelos, Armandina Saleiro, do Presidente da Junta de Freguesia de Barcelinhos, José Peixoto, de representantes da Sociedade Portuguesa de Física e da REN.

Com a coordenação do professor José Roque, os alunos Inês Oliveira, Eva Rosmaninho, Diogo Ferreira da Cruz, Luana Brito e Joana Cardoso, a frequentar o 10º ano no Colégio La Salle, realizaram um trabalho científico com o objetivo de medir as radiações eletromagnéticas emitidas por aparelhos utilizados no quotidiano e as suas implicações para a saúde.

Durante a pesquisa da equipa, denominada de Magnels, foram efetuadas medições em aparelhos do dia a dia, como computadores portáteis e máquinas de lavar, e junto a linhas de transporte de energia. Segundo o site desta equipa de alunos o trabalho permitiu concluir que os campos eletromagnéticos estão no intervalo permitido por lei, isto é, não ultrapassam os limites definidos pelas ICNIRP – Comissão Internacional para a Proteção das Radiações Não Ionizantes.

Na décima edição do MEDEA, foi atribuído o primeiro prémio à equipa Novelãos Team, da Escola Básica e Secundária da Povoação, nos Açores, e uma outra menção honrosa à equipa do Agrupamento de Escolas de Póvoa de Santa Iria.

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo