Desporto

País. Jogador de 13 anos vai parar ao hospital depois de “castigo de cachaços” no treino

Um jogador de futebol de 13 anos perdeu a memória depois de ter sido agredido por colegas de equipa. A história é revelada pelo Jornal de Notícias.

O episódio aconteceu na semana passada, ao final do dia. O atleta, do Sport Clube Freamunde, foi “castigado” num treino pelos colegas. Levou “cachaços” e teve de receber assistência hospitalar, segundo o mesmo jornal.

O jovem queixou-se da violência usada pelos colegas na altura em que tudo aconteceu. Sentiu-se mal, desmaiou e teve de abandonar o relvado. O pai revela ao jornal que “Quando cheguei junto do meu filho, ele estava deitado numa maca e desorientado. Não se lembrava de ter treinado, mas ninguém me disse o que se tinha passado”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo