Destaque Guimarães Região

Chefe da prisão em Guimarães em prisão preventiva por suspeitas de tráfico de droga

(c) DR
Redação
Escrito por Redação

O Tribunal de Marco de Canaveses determinou que três guardas prisionais e um ex-recluso, detidos na operação de combate ao tráfico de droga na cadeia de Paços de Ferreira, vão aguardar julgamento em prisão preventiva, disse esta quinta-feira fonte judicial.

Um dos guardas prisionais é um antigo chefe daquela cadeia, reformado há poucos meses, que havia sido transferido para o estabelecimento prisional de Guimarães depois de ter autorizado uma festa de aniversário a um recluso de etnia cigana que havia sido detido por tráfico de droga, avança o jornal Correio da Manhã,.

Outros dois guardas que tinham sido detidos na quarta-feira, na operação “Entre-Grade”, que também foram ouvidos no tribunal de Marco de Canaveses, ficaram sujeitos a Termo de Identidade e Residência e impedidos de exercer funções e contactos com o estabelecimento prisional, acrescentou a fonte.

Comentários

Acerca do autor

Redação

Redação

Deixar um comentário