Destaque Vila Verde

Afonso já tem transporte para medicação. Bombeiros de Famalicão oferecem o serviço

(c) DR
Escrito por Joaquim Ribeiro

O menino Afonso tem 10 anos e é portador de uma doença genética rara chamada Anemia de Fanconi mas é uma criança aparentemente normal. Revela a mãe que “só aos três anos descobrimos por falência da medula que é um dos primeiros sintomas”.

Ao V, a mãe do Afonso fala numa luta desigual com a farmácia do IPO que segundo ela, “não me dão medicação suficiente para um mês que é o prazo máximo de um manipulado desde que é feito, pois alegam que têm muitas crianças têm que dividir por todas, mas depois verifico que mandam medicação com prazo em fim de validade, tipo para cinco dias, e em quantidade excessiva que acaba no lixo. Não tenho queixas do IPO só mesmo com a farmácia e com o seu sistema de funcionamento”, complementa a mãe do Afonso.

A história surge nas redes sociais quando a mãe do pequeno Afonso pede ajuda para o transporte da medicação desde o IPO até Braga. O Semanário V, em exclusivo, contactou a mãe para ajudar neste processo. Depois de uma publicação partilhada mais de 250 vezes foi possível arranjar a desejada boleia para a medicação.

Foi um processo emotivo, dado que, o senhor que se disponibilizou a ajudar, revelou ao V que “pura coincidência. A criança que vou ajudar tem o mesmo nome e a mesma idade do meu filho. Estou arrepiado e aprendemos muito nesta vida com simples gestos”.

A ajuda não tardou em chegar

Depois da publicação do V, criou-se uma onda solidária pelo pequeno Afonso. Particulares, empresas e instituições uniram-se para ajudar no transporte da medicação. Depois dos Bombeiros de Braga querem arranjar autorização, surgem os Bombeiros Voluntários de Famalicão que contactaram o V e a mãe do pequeno Afonso. Num processo rápido chegou-se a acordo para os soldados da paz fazerem o transporte.

Em comunicado enviado em exclusivo ao V, o comando dos BV de Famalicão adianta que “esta associação disponibilizou-se em colaborar no transporte de medicamentos para a criança de Braga. Conforme informamos anteriormente, desde o primeiro momento em que tivemos conhecimento da situação ficamos sensibilizados e de imediato procuramos o contacto da mãe da criança para mostrar a nossa disponibilidade. Tendo em consideração que efetuamos o transporte de todos os doentes para o IPO Porto dos Distritos de Viana do Castelo, Braga, Vila  Real e Bragança temos toda a facilidade em colaborar pois diariamente vamos ao IPO Porto imensas vezes. Aproveitamos também para mostrar a nossa satisfação por sabermos que outras instituições e pessoas particulares se disponibilizaram em colaborar. Todos demonstraram ser verdadeiros heróis, com e sem farda. Bem hajam!”

Um final feliz para uma família agradecida e feliz. A mãe do Afonso revela que “estou de coração cheio com a solidariedade das pessoas. Agradeço do fundo do coração ao V, aos Bombeiros de Braga e aos Bombeiros de Famalicão pelo gesto”.

 

(c) DR

Comentários

Acerca do autor

Joaquim Ribeiro

Deixar um comentário