Destaque

GNR salva vida ao transportar órgão em tempo recorde entre Covilhã e Lisboa

Os militares da GNR de Castelo Branco efetuaram, na quinta-feira, o transporte urgente de um órgão para ser transplantado em Lisboa.

órgão saiu do Centro Hospitalar Universitário da Cova da Beira, na Covilhã, pelas 20h20 e uma hora e meia depois já se encontrava no Hospitalar Curry Cabral, em Lisboa. O trajeto de mais de 270 quilómetros foi percorrido pela patrulha da GNR em apenas metade do tempo necessário.

No entanto, a Guarda garante que esteve “sempre garantida a segurança dos demais utentes da via”. A GNR lembra que a “qualidade e segurança da transplantação de órgãos depende do tempo necessário para o seu transporte, competindo assim à GNR, e em respeito das condições de segurança, chegar ao destino no menor tempo possível, contribuindo deste modo para o salvamento de mais uma vida”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo