Curiosidades

Papa renova palácio da igreja para estar ao serviço dos sem-abrigo de Roma

Trata-se de mais uma medida que comprova a prioridade que o Papa dá aos pobres e sem-abrigo. O palácio tem espaço para 50 pessoas, mas, se houver condições climatéricas adversas, o número pode subir. O Papa Francisco mandou renovar um palácio situado no coração do Vaticano, adaptando-o para estar ao serviço dos sem-abrigo de Roma, avança a Rádio Renascença.

O projeto tem capacidade para acolher até 50 pessoas, a quem é dada cama, roupa lavada e comida. As salas de baixo servem para ações de formação e de prestação de serviços práticos, como aconselhamento psicológico ou utilização de computadores. Quando o frio aperta na cidade torna-se ainda possível albergar mais pessoas no edifício.

Para um dos atuais utentes do serviço, o conforto não tem comparação com aquilo a que estava habituado noutros abrigos. “Aqui sinto-me mais em casa. Tenho a minha própria cama, quarto e casa de banho. É muito diferente dos dormitórios onde tenho ido até agora, onde por vezes nos sentimos como animais num estábulo sobrelotado”, disse Mario Brezza ao jornal australiano NBC News. Andrea Riccardi, fundador da Comunidade de Sant’Egidio realçou o princípio do gesto. “O importante é que aqui estamos diante do Vaticano, estamos no coração do Papa, os pobres têm um lar diante do Papa”, afirmou, garantindo que a comunidade tem todo o gosto em colaborar com a Santa Sé neste trabalho.

Para além disso, o Papa tem o hábito de tomar refeições com os pobres e sem-abrigo com alguma regularidade, no Vaticano.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo