Ambiente

Tempestade Ciara faz pelo menos cinco mortos à passagem pela Europa

Pelo menos cinco pessoas morreram e várias ficaram feridas devido à passagem da tempestade Ciara, que está a atingir a Europa desde domingo com ventos e chuvas fortes, causando perturbações em transportes aéreos, ferroviários e marítimos.

Na Polónia, duas mulheres, mãe e filha, morreram depois de a tempestade arrancar o telhado de um edifício de aluguer de equipamentos de esqui, numa estância turística em Bukowina Tatrzanska, e atingir as pessoas que estavam próximas de um teleférico, explicou a polícia esta segunda-feira.

Duas outras pessoas ficaram feridas neste incidente. Na Suécia, um homem morreu afogado, depois do barco, em que ele e outra pessoa seguiam, ter virado no lago do sul de Fegen. Segundo o jornal sueco “Aftonbladet”, a outra pessoa continua desaparecida. Dois homens, um no norte da Eslovénia e outro no sul da Inglaterra, morreram depois dos seus carros terem sido atingidos por árvores.

Esta intempérie provocou ainda perturbações nos transportes aéreos, ferroviários e marítimos.

As ligações por ‘ferry’ no Canal da Mancha entre Calais (França) e Dover (Inglaterra) foram hoje retomadas, apesar do mar ainda agitado, depois de terem sido interrompidas no domingo, devido aos fortes ventos da tempestade Ciara.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo