Destaque

País. Homem com hepatite C morre nas urgências em Beja depois de horas à espera

Um homem de 60 anos morreu na sala de espera das urgências do Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, depois de ter estado mais de três horas à espera de ser atendido.

Na triagem, foi atribuída ao homem uma pulseira amarela destinada a casos urgentes, mas, ainda assim, o homem esteve à espera desde as 17h30 até às 21h00, hora a que acabou por morrer.

Os familiares da vítima apresentaram uma reclamação escrita à administração do hospital. O Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo que já foi instaurado um processo de inquérito. Este é já o segundo caso, em menos de um mês, de morte registada nas salas de espera das urgências de hospitais públicos em Portugal. A 10 de fevereiro, um homem de 65 anos morreu depois de ter esperado seis horas para ser atendido no Hospital de Lamego, avança o Correio da Manhã. 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo